23 de abr de 2013

Pt. II

A graça da risada, o abraço, a mordida forte ou fraca, as piadas internas, as vontades e desejos, as loucuras num quarto, os sonhos e idealizações, o roçar dos pés, a diferença de altura, os gostos musicais e gastronômicos.
Acho que nunca disse que somos fãs de cerveja, fãs mesmo! ENLOUQUECIDOS, ENFURECIDOS PELA LOU(i)RA! E fomos bastante julgados por isso, mas quem se importa né? Estamos bem com nossa família: Eu, ele e a brahma, antarctica, itaipava, heineken, budweiser, ravache...................
A verdade é que não existe regra pra se amar, só existe a vontade. Pode ser que no futuro se encontre a fórmula que se evite brigas, separações ou ofensas desnecessárias, mas mesmo se ela existir vou querer viver esse amor desse mesmo jeito.
Gosto mesmo é do desespero que fico quando vai dando a hora da saída da faculdade e sei que vou ver o único rosto que desejo ver todos os dias pelo resto da vida. Gosto de quando grito e xingo, ofendo e bato, mordo e beijo e sou completamente compreendida. Gosto da verdade, da nossa verdade, da gente, do eu e ele que ninguém entende.
Mas acho que nunca disse que ele é o mundo né? O mundo aonde eu me encontro quando o Mundo Real me expulsa. Que ele é o veneno e a cura de todo e qualquer problema que existe nesse universo louco. Que ele é a insanidade e a sanidade do meu Eu. Que ele é e sempre vai ser o pedaço mais importante da minha carne, da minha alma e da minha fé. Porque se é pra ter fé na humanidade, que eu a deposite totalmente nele!
Não preciso ser forte, alegre, gentil, carinhosa, divertida ou inteligente. Ele não precisa ser rico, forte, grande, ele só tem que ser ele. E ser ele de verdade! Ser ele pra ser alguém que eu ainda ame todos os dias, a cada segundo nos próximos dias de todos anos dentro de todos os séculos que essa vida ainda vai nos proporcionar. E para isso, a gente cresce e luta pelo que é nosso. Mesmo que sozinhos e mesmo que distantes. Porque pra ser feliz e ser de verdade, a gente só precisa de uma coisa: Amar.
E se você ler isso - e eu sei que vai - lembra que mais ninguém nesse mundo ama e quer você como eu.
Seja bem vindo a minha vida, meu amor. Seja bem vindo a nossa vida. Eu te amo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário